Mattos descarta Pratto e projeta mais duas contratações no Palmeiras

Alexandre Mattos quer mais duas contratações para fechar o elenco (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

Alexandre Mattos quer mais duas contratações para fechar o elenco (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

Um dos clubes mais ativos no mercado, o Palmeiras já anunciou sete reforços. Alexandre Mattos, diretor de futebol, praticamente descartou a possibilidade de contratar os centroavantes Lucas Pratto, do Atlético-MG, e Miguel Borja, do Atlético Nacional. Por outro lado, projetou a chegada de um lateral direito e um atacante.

“Sobre esses jogadores, quero dizer ao nosso torcedor para não criar expectativa. No Brasil, é impossível chegar nos valores que estão sendo falados. O Palmeiras nunca negociou com o Atlético-MG ou Atlético Nacional”, afirmou Mattos em entrevista à Fox Sports.

De acordo com seu diretor de futebol, o clube está satisfeito com os centroavantes Lucas Barrios e Alecsandro. Para o ataque, o técnico Eduardo Baptista ainda conta com Dudu, Erik, Keno, Rafael Marques e Roger Guedes, além de Leandro Pereira, que deve ser negociado em breve.

“Posso afirmar que para o Palmeiras nesse momento é impossível fazer qualquer tipo de tratativa para trazer esses jogadores (Pratto e Borja) e que o clube tem confiança nos atletas que se encontram no elenco, principalmente o Barrios e o Alecsandro”, declarou.

O Palmeiras resolveu emprestar o jovem João Pedro, provavelmente para a Chapecoense, e busca um lateral direito – o clube ainda não desistiu de Fabiano e negocia com o Cruzeiro. Para o ataque, o principal nome é Willian, também da equipe mineira.

“O Palmeiras, no máximo, vai buscar mais dois jogadores. Temos uma dificuldade na lateral direita e com certeza precisamos fazer essa manutenção. E um outro jogador com uma característica diferente um pouco mais para a frente”, apontou Mattos.

O acordo de patrocínio entre Palmeiras e Crefisa/FAM vence no fim de janeiro e deve ser renovado, apesar da confusão em torno da candidatura de Leila Pereira, proprietária das empresas, ao Conselho Deliberativo. Com a extensão do vínculo, o clube pode fazer novas contratações.

Fonte – Gazeta Esportiva

Deixe o seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos marcados são obrigatórios *

*

Voltar ao topo