Principais clubes da Europa criticam decisão de aumentar número de seleções na Copa do Mundo

A Associação dos Clubes Europeus (ECA, em inglês), fez duras críticas ao aumento de seleções nas Copas do Mundo a partir da edição de 2026. Nesse ano, a competição terá 48 países, contra 32 anteriormente.

“Nós entendemos que a decisão foi baseada em razões políticas, e não esportivas, e sob pressões consideráveis”, diz uma declaração publicada pela Associação.

29

“É questionável também a urgência em alcançar uma decisão tão importante, nove anos antes de ela entrar em vigor, sem o envolvimento adequado dos acionistas que serão impactados por essa mudança”.

A Associação dos Clubes Europeus tem 220 clubes de 53 países. Entre eles, estão Arsenal, Barcelona, Real Madrid, Bayer de Munique, Liverpool e outros.

Fonte – ExtraOnline

Deixe o seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos marcados são obrigatórios *

*

Voltar ao topo