A55f7402 820e 49f8 adfd 6eadb46fb476 Wellington prefere a cautela para falar de possibilidade de voltar à lateral (Foto: Raphael Lemos)

Em uma situação normal, poderia se dizer que Raul Cabral teria problemas sérios para as duas laterais para a partida contra o CSA, segunda-feira, a partir das 20h45, no Almeidão, em jogo válido pela primeira partida das quartas de final da Série C do Brasileirão. Porém, para pelo menos uma delas ele tem uma boa alternativa. Atacante, Wellington serviu ao treinador tanto do lado direito, quanto do lado esquerdo, e nas ausências de Marcelo, suspenso pelo terceiro amarelo, e Dênis, se recuperando de problema na musculatura da panturrilha, se torna boa opção para os dois lados.

Porém, o atleta, que volta de suspensão, prefere a cautela. De acordo com ele, embora as atuações diante do Volta Redonda, como lateral-direito, e contra Ypiranga-RS e Botafogo-SP, pela esquerda, não são garantias de titularidade, já que o comandante carcará tem o lateral-direito Marrone – que atuou pela canhota contra o Macaé no último sábado – e Dieyson, que não tem recebido muitas oportunidades.

- Me sinto à vontade tanto na lateral esquerda quanto na lateral direita, mas o professor também tem outras opções. Começamos a semana com muito trabalho, sabemos da importância de uma semana boa de trabalho pra chegarmos e fazermos um bom jogo – respondeu.

No retrospecto na posição improvisada, Wellington também está bem na fita. O jogador acumulou vitórias contra o Ypiranga-RS, por 3 a 0, e Botafogo-SP, por 2 a 1, e ainda um empate sem gols diante do Voltaço. Todas as partidas foram no Almeidão, em Tombos. Contra o CSA, o jogador relembrou a importância do time vencer e, se possível não levar gols. Para isso, serão necessários um time agressivo e uma capacidade grande na cobertura defensiva.

- É de extrema importância o resultado em casa. Também sabemos da qualidade da equipe do CSA, não podemos nos mandar pra frente de qualquer forma, mas temos que impor nosso ritmo e fazer valer nosso mando de campo – fechou.