E31dabb0 a975 466e a78e bc6e41038530

A nova polêmica do futebol inglês pode ter sido, na verdade, um grande mal entendido. Ao menos, é o que garante Pep Guardiola, que está sendo acusado de desrespeito por ter se referido ao Tottenham como o "time de Harry Kane". A declaração pegou muito mal no rival de Londres, o que levou o técnico Mauricio Pochettino a rebatê-la nesta sexta. Mas Guardiola tratou de se explicar.

- Eu fui desrespeitoso? Eu conheço o Mauricio pelas vezes em que nos enfrentamos e nos falamos, talvez meu inglês não seja muito bom. Eu nunca fui desrespeitoso com um colega, nunca. Quando eu disse "time do Harry Kane", foi porque Harry Kane está marcando muitos gols. Eu sei muito bem que o Tottenham não é o Harry Kane sozinho - disse ele.

Pochettino disse que o colega foi "desrespeitoso" e lembrou, por exemplo, que nunca se referiu ao Barcelona como "time de Messi" quando Guardiola era o treinador. Pep, por sua vez, tentou abafar a polêmica.

- Estou muito desapontado se ele disse isso. Nunca fui desrespeitoso com meus colegas nesse período. Eu respeito bastante o que o Tottenham tem feito nos últimos dois, três anos. Eles têm muito crédito pelo estilo de jogo demonstrado na Premier League, sempre atacando. Já disse isso várias vezes, é só ver - declarou Guardiola.

- Acho que na temporada passada, a pessoa que mais apreciou o estilo de jogo deles fui eu. Quando eles perderam para o Chelsea na semifinal da Copa da Inglaterra, eu disse que tinha sido incrível porque o Chelsea só chutou quatro vezes e fez quatro gols. Eu sempre disse que o Tottenham é uma das melhores equipes - completou ele.