556a3196 e3dd 43c7 afa1 1d13e3350cf1

Numa partida entre opostos no Grupo B da Liga dos Campeões, o líder Paris Saint-Germain nem precisou fazer força para manter os 100% de aproveitamento e derrotar, em casa, o lanterna Anderlecht, único dos 32 times que sequer fez gol. A goleada desta terça-feira foi por 5 a 0, garantindo vaga antecipada às oitavas de final. São, agora 17 gols marcados, recorde na fase de grupos, e nenhum sofrido pela equipe francesa.

Com apenas 30 segundos de jogo, os donos da casa chegaram com perigo pela primeira vez ao gol belga. Mbappé lançou Neymar na área, e Boeckx fez grande intervenção. O camisa 10 brasileiro voltou ao time, após cumprir suspensão automática nos 3 a 0 sobre o Nice, sexta-feira, pelo Campeonato Francês.

A partida mais parecia um duelo de ataque contra defesa. Até que, aos 29 minutos, após desperdiçar boas oportunidades, o PSG abriu o placar. Mbappé tocou para Verratti estufar as redes do Anderlecht. E, 20 minutos depois, Neymar ampliou, ao receber cobrança curta de escanteio e bater da entrada da área.

No segundo tempo, quem brilhou foi o lateral-esquerdo Kurzawa, autor de três gols, façanha inédita na Liga dos Campeões desde 1993 entre jogadores do setor defensivo. O primeiro, aos sete, veio após rebote de chute de Neymar. O segundo, aos 26, teve a participação novamente do atacante brasileiro e de Daniel Alves. Por fim, aos 33, Kurzawa fez o hat-trick.

Na outra partida do grupo B, o Bayern de Munique venceu por 2 a 1 o Celtic, na Escócia, com gols do francês Kingsley Coman e e do espanhol Javi Martínez, e também se garantiu na próxima fase.