96399d8c 0c1b 45ff 9c99 8137f60433e4 Geromel durante treino da Seleção em setembro: zagueiro mantém viva a esperança de jogar a Copa da Rússia (Foto: Pedro Martins/MoWA Press)

O zagueiro Pedro Geromel, do Grêmio, disse nesta segunda-feira desconhecer proposta do Palmeiras para 2018. O defensor afirmou que tem mais dois anos de contrato com o Tricolor gaúcho e que não tem interesse de deixar seu atual clube, pelo qual foi campeão da Libertadores na última quarta-feira.

“A informação não procede. Pelo menos até a mim não chegou. Eu tenho contrato com o Grêmio, estava focado na Libertadores até quarta-feira passada. Não tenho a mínima vontade de sair, estou muito feliz lá, tenho mais dois anos (de contrato). Para mim não chegou nenhuma informação”, disse Geromel na entrega da Bola de Prata, da revista Placar e do canal ESPN. Esta foi a terceira vez seguida que o zagueiro ganhou o prêmio.

Enquanto vive a expectativa de disputar o Mundial de Clubes com o Grêmio – a estreia acontece no próximo dia 12 –, Geromel também espera uma chance com Tite.

O zagueiro, que não foi chamado nas últimas convocações da Seleção Brasileira, admite que não perdeu as esperanças de estar na Copa do Mundo da Rússia e disse estar “muito ansioso”.

“A Copa é uma realidade. O Tite foi o treinador que me chamou para todas as convocações que eu fui. Quando falo dele é um saudosismo, um carinho enorme. Ele sempre deixou bem claro que a gente tem que trabalhar no nosso clube para estar preparado se surgir a oportunidade. É isso que tenho feito. Tive o prazer de ganhar esse prêmio maravilhoso, ganhei o prêmio do Gauchão. Fomo campeões (da Libertadores). Tenho feito o meu melhor para, se surgir uma oportunidade, poder ajudar. Vou estar à disposição”, declarou.

Geromel já teve duas convocações com Tite. Uma para o Jogo da Amizade, em janeiro deste ano, contra a Colômbia. A outra foi para duelos contra Equador e Colômbia, pelas Eliminatórias da Copa, quando substituiu Rodrigo Caio, cortado por causa de lesão.