91de97aa cf19 47ee 83ec f5bd3748fe05 Matheus Silva, em ação pelo Reno 1868 (Foto: Facebook / @reno1868fc)

Dois dias depois de ser retirado da água no Lago Tahoe e reanimado ainda no local, o brasileiro Matheus Silva saiu do coma no fim da manhã desta quinta-feira. Em comunicado oficial, o San Jose Earthquakes, time da MLS ao qual o meio-campo pertence, detalhou o episódio no feriado de 4 de julho e comemorou a evolução no quadro do jogador.

Em coma desde terça-feira, Matheus acordou nesta quinta e foi extubado, está respondendo bem e falando. A expectativa é que ele passe por uma série de exames antes de deixar o CTI, mas a programação é de iniciar a fisioterapia nesta sexta. A família do jogador viajou do Brasil para Reno, em Nevada, nos Estados Unidos.

- Estamos incrivelmente empolgados e aliviados por anunciar que Matheus Silva acordou de seu coma e está respondendo plenamente. Toda a organização dos Earthquakes agradece o inestimável esforço dos médicos, jogadores e funcionários do Reno 1868 FC e pessoas na praia que contribuíram para que Matheus esteja vivo e bem hoje – disse Jesse Fioranelli, gerente geral do Earthquakes, que também viajou para Reno.

Matheus Silva e companheiros do Reno 1868 viajaram cedo na manhã de terça-feira para o Lago Tahoe para aproveitar o feriado de 4 de julho. Logo que chegaram, por volta de 6h da manhã, o brasileiro de 20 anos entrou na água fria para nadar. O jogador começou a ter dificuldades e pediu ajuda. Seus companheiros de time e outras pessoas no local o tiraram da água e o levaram para a margem, mas ele estava sem pulso. Após manobras de ressuscitação ainda no local, o meio-campo foi reanimado e depois levado para um hospital próximo, antes de ser transferido para um centro médico em Reno.