74e02d0b bd3c 43a0 8fe5 cf6629cfda7e

O departamento jurídico do Flamengo define nos próximos dias se o clube vai rescindir ou suspender o contrato do atacante Guerrero. Punido com um ano de suspensão por doping pela Fifa, o peruano tem contrato até agosto, e a diretoria avalia se vale aguardar o recurso.

Representantes do clube e do jogador já conversaram e a ideia inicial é que a apelação na Fifa pode demorar alguns meses. Assim, nesse período, o jogador teria o vínculo suspenso até o julgamento.

Caso a pena seja mantida, Guerrero teria o contrato rescindido sem custos, já que a atitude está prevista nas cláusulas do acordo com qualquer jogador do clube. Se for absolvido ou tiver a pena reduzida, o jogador pode manter a suspensão do contrato até voltar a jogar. Daí em diante, voltaria a negociar a renovação e passaria a receber seus vencimentos.

Em paralelo, o jurídico já prepara uma possível ação contra a Federação do Peru para ressarcimento dos valores gastos com o jogador no período em que esteve punido. Como consumiu chás no âmbito da seleção peruana com receita de uma nutricionista, a cobrança seria feita.