Fcf2b8ca 9eec 4f6a ac3c 9e8e0872e40a

Atletas de jiu-jitsu de Alagoas seguem fazendo bonito em nível nacional e internacional. Um dos casos chamou a atenção, não apenas pelo resultado, mas pela realização de um sonho. A lutadora Carolina de Sá participou do primeiro mundial da modalidade e já garantiu uma medalha.

 A alagoana disputou a categoria adulta, leve (até 64Kg) na faixa branca e entre 14 atletas, ficou com o terceiro lugar. Apesar de juventude, Carolina afirma que comemorou o resultado, mas quer ainda mais.

“Nunca tinha competido num evento tão grande e organizado. O nível era altíssimo e numa categoria com 14 atletas, eu fiquei em terceiro. Foi um ótimo resultado, mas eu tenho a consciência que poderia ter ido além. Agora é levantar a cabeça e me preparar para os próximos eventos. Chegando em Maceió eu já volto a treinar”, disse.

Junto com a medalha de bronze, Carolina de Sá comemora a realização de um sonho. “Tudo aconteceu de forma muito natural. Eu descobri o jiu-jitsu, treinei, contei com apoio dos amigos, meus treinadores, minha família e agora começo a colher os frutos”, concluiu.

A atleta agora retoma os treinamentos em Maceió, no Dojjo, com a equipe da Kimura e terá como próximos eventos o Campeonato Alagoano organizado pela Federação De Jiu-Jitsu Esportivo Tradicional (Fejetal) e Circuito Alagoano organizado pela Liga Alagoaa de Jiu-Jitsu (LAJ-J).