53b74588 cf48 4bb0 861a 0a1fcb49f570 Com gol polêmico no fim da partida, Pottker garantiu a vitória do Inter sobre o Luverdense (Foto: Ricardo Duarte/SCI)

Após confusão da arbitragem, Internacional vence a Luverdense por 1 a 0 no Beira-Rio e chega a quinta posição na Série B. O colorado alcançou os 24 pontos e o Luverdense caiu para a 18ª colocação com 16 pontos. O gol colorado foi marcado em um lance muito polêmico.

Para prevenir possíveis badernas ao redor do Beira-Rio após a partida, o clube colorado acatou uma recomendação de segurança da Brigada Militar e não autorizou os churrascos no Complexo do Estádio.

Antes da partida uma surpresa, o zagueiro Klaus não era o único desfalque do time colorado. O técnico Guto Ferreira preservou o meia D’Alessandro, que estava com desgaste muscular, e iniciou o jogo no banco de reservas. Desta forma, o garoto Diego entrou no lugar. Quem também estava na reserva era o atacante Brenner. O jogador está de saída do clube e vai assinar com o Botafogo.

 Atuando com três atacantes, o Internacional começou pressionando bastante e logo no primeiro minuto de partida o colorado conseguiu um escanteio. Aos dois minutos, o time gaúcho chegou a balançar as redes com Nico López, mas foi invalidado, pois o uruguaio estava impedido.

O Luverdense não conseguia ficar com bola. Aos 6 minutos, Edenílson recebeu na meia lua da grande área, girou e chutou forte a gol. O goleiro Diogo Silva deu um toquinho na bola e mandou para escanteio.

O Inter buscava o gol com muita vontade. Em cobrança de falta de Diego, o lateral Cláudio Winck cabeceou para o meio da área e William Pottker tentou de carrinho, mas não alcançou a bola.