13b900c8 be18 4631 8945 fb2707d6e467 Valderrama é o favorito a deixar equipe com volta de Diego Silva (Foto: Sampaio / Divulgação)

Após treinos físicos e de fundamentos no começo da semana, o Sampaio Corrêa começa a trabalhar a formação titular para o confronto diante do CSA. Para o confronto, o Tricolor conta com a volta do volante Diego Silva, que cumpriu suspensão automática na rodada passada.

Este retorno, suscita uma dúvida no meio-campo para o técnico Francisco Diá. A interrogação é se o treinador tricolor irá manter a formação com dos meias e dois volantes ou irá retornar a trinca de volantes, utilizado por várias vezes nesta Série C.

Caso mantenha os dois meias, um dos volantes perderia a titularidade e tendência seria a saída de Valderrama. Essa é uma opção forte, pela atuação das últimas rodadas dos meias Marlon e Hiltinho, que dificilmente perderão espaço. César Sampaio é o que tem maior característica de marcação e sequer é discutida sua saída.

Em contrapartida, o técnico Francisco Diá tem na manga a trinca de volantes, que sempre tem dado certo e ganha muita força nos jogos fora de casa. Com eles, o time ganha variações de sistema durante o jogo, entre elas o 3-6-1, que traz liberdade ao laterais bolivianos. Porém, para utilizar esta formação o treinador teria que sacar Marlon ou Hiltinho, o que é pouco provável.

Os treinos desta quarta, quinta e sexta-feira serão os decisivos para responder a estas questões. Ambas as atividades acontecem, no CT do clube, no período vespetino. A delegação tricolor embarca para Alagoas neste sábado.