B5be6950 2e84 4718 94ad 5db3a4db1e2b

Ainda em busca da formação ideal para o Palmeiras, o técnico Cuca perdeu uma peça importante. O atacante Willian, vitimado por uma lesão muscular no recente empate por 2 a 2 contra o Flamengo, poderá ficar afastado por aproximadamente um mês e meio.

Escalado como titular no Rio de Janeiro, Willian marcou o primeiro gol do Palmeiras e precisou ser substituído no fim da etapa inicial. Exame realizado nesta quinta-feira apontou lesão no músculo posterior da coxa esquerda do atleta, o que requer prazo de recuperação estimado em quatro a seis semanas.

Contratado pelo Palmeiras no começo de 2017 após passar pelo Cruzeiro, Willian vem sendo bem-sucedido no começo de sua trajetória pelo time alviverde. Único que fez 41 jogos no ano ao lado de Fernando Prass, ele é o artilheiro do time com 13 gols anotados.

Na primeira partida sem Willian, programada para as 16 horas (de Brasília) deste domingo, o Palmeiras enfrenta o Sport, na Arena Pernambuco, pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Como Dudu e Borja estão suspensos, o recém-chegado Deyverson deve estrear pelo time alviverde.

O versátil Michel Bastos e o atacante Tchê Tchê, advertidos com o terceiro cartão amarelo no empate contra o Flamengo, também estão suspensos diante do Sport. Para completar, o volante Felipe Melo e o meia Alejandro Guerra, poupados, permaneceram em São Paulo.

A delegação palmeirense desembarcou em Recife durante a tarde de quinta-feira. O atacante Deyverson e o zagueiro Edu Dracena, convocados por Cuca após o jogo contra o Flamengo, já estão integrados ao elenco. O time faz um treino fechado à imprensa nesta sexta-feira.