4944c3a2 14c3 4cff 96c3 92a462fb8398 Nunes e Gladstone se encaram no meio da área (Foto: Oscar Herculano Jr / EPTV)

Um desentendimento entre dois veteranos do futebol brasileiro desencadeou uma briga entre jogadores de Mogi Mirim e Botafogo-SP, no sábado à tarde, pela 11ª rodada da Série C do Campeonato Brasileiro. Nunes e Gladstone se encararam, trocaram socos em um lance sem a bola e foram expulsos, assim como outro jogador do Mogi, o zagueiro Preto Costa.

A discussão aconteceu aos 40 minutos do segundo tempo, quando o placar marcava 2 a 1 para o Mogi. Durante uma jogada pela lateral, Nunes (atacante de 35 anos, ex-Vasco, Sport e Guarani) e Gladstone (zagueiro de 32 anos, ex-Cruzeiro, Palmeiras e Náutico) se estranharam. Houve troca de socos até outros jogadores apartarem a situação. O árbitro Rodrigo Alonso Ferreira viu tudo e, sem perder muito tempo, expulsou os dois.

Mas os cartões não diminuíram a tensão. Nunes "escapou" da proteção dos companheiros e tentou partir novamente para cima de Gladstone. Outros atletas entraram no bolo, até que Preto Costa acertou a nuca de Alex, atacante do Botafogo-SP. Pela agressão, o zagueiro do Mogi Mirim também foi expulso e não participou dos minutos finais do confronto. Todos esses fatos foram relatados na súmula da partida.

Foram nove minutos de paralisação, o que resultou em um grande tempo de acréscimo. O Bota-SP se aproveitou e conseguiu o gol de empate, aos 52 minutos, resultado que o mantém no grupo dos classificados à próxima fase da Série C. Enquanto isso, o Mogi Mirim desperdiçou mais pontos em casa e continua como lanterna do Grupo B, cada vez mais perto do rebaixamento à quarta divisão do Campeonato Brasileiro.