4a5b502e fb9c 4cba 88cf b2cfd79f3ec6

O atacante Aristide Bancé, jogador do ASEC Mimosas, foi o artilheiro do Campeonato Marfinense e recebeu o troféu pelo seu feito, mas ficou bastante frustrado pelo descaso da organização da competição, que esqueceu de retirar a etiqueta de preço do objeto.

Ao notar a gafe, Bancé recorreu as suas redes sociais para lamentar o ocorrido. O troféu custou 24.900 francos marfinenses, o equivalente a 37 euros (ou aproximadamente R$ 135).

"Teria dado mais valor a um prêmio com palavras do que a uma chuteira de ouro desse jeito. Os que me ofereceram o troféu nem tiveram a preocupação em retirar a etiqueta de preço que, lamentavelmente, dizia que ele tinha custado 24.900 francos marfinenses", escreveu o jogador em sua página oficial do Facebook.

No mesmo texto, o atacante de 32 anos ainda disse que "o troféu da chuteira não era de ouro, nem sequer de alumínio".