Foto: Gustavo Henrique/RCortez/Ascom CSA Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Sábado (24) a tarde é dia de semifinal do Campeonato Alagoano. Depois de perder o primeiro jogo por 1 a 0 em Arapiraca, o CSA recebe o ASA no Estádio Rei Pelé, precisando vencer para chegar á decisão do estadual.

Para o CSA, a semana foi movimentada e cheia de pressão. Isso porque, o time que não vem atravessando uma boa fase, ainda foi eliminado da Copa do Nordeste ao empatar em casa diante do Ceará.

Com isso, o Alagoano se torna uma obrigação para o clube do Mutange, atual campeão brasileiro da Série C. Para montar o titular, Marcelo Cabo fez análises e segredos. Na defesa, o treinador não definiu se manda Celsinho ou Lennon na lateral direita e no meio, deve manter Echeverria.

Já no setor de ataque, está a dúvida entre Michel Douglas, que torceu o pé no meio de semana, mas fez tratamento intensivo e foi relacionado. Caso não consiga entrar de primeira, Josimar será a opção.

Com isso, o time azulino deve formar com Cajuru, Celsinho (Lennon), Leandro Souza, Xandão e Rafinha; Yuri, Boquita, Didira, Echeverria e Daniel Costa; Michel (Josimar).

Foto: Gustavo Henrique/RCortez/Ascom CSA

 

Do lado arapiraquense, o ASA teve uma semana relativamente tranquila. O técnico Jaelson Marcelino teve uma semana para trabalhar e ainda pode contar com todos os jogadores para a partida.

Assim, o time alvinegro deve entrar em campo com Dida, Chiquinho, Caíque, Lucas Bahia e Lucas Piauí; Cal, Luiz Gustavo, Juliano, Caaporã e André Beleza; Rômulo.

CSA e ASA se enfrentam às 16h00 no Estádio Rei Pelé. O time alvinegro que venceu o primeiro jogo, jogará pelo empate. Ao CSA resta a vitória para chegar á decisão do Alagoano.