Na festa do Corinthians pelo título paulista, conquistado sobre o Palmeiras, o atacante Emerson Sheik, com o microfone em punho, ofendeu o rival Dudu. Em entrevista à TV Globo, o jogador do time alvinegro se disse arrependido e revelou que já entrou em contato com o adversário.

Durante a celebração corintiana pelo título estadual, realizada na madrugada de domingo para segunda-feira, Sheik mandou Dudu “tomar no c…” e “chupar p…”. Aos 39 anos de idade, o atacante se retratou pelas provocações e garantiu que a situação com o próprio palmeirense já foi resolvida.

“Na medida do possível, estou ajudando dentro de campo, mas, fora de campo, percebi que tenho uma importância muito grande também”, afirmou Emerson, conselheiro dos mais jovens. “Isso, não pode. Isso, eu fiz e não foi legal”, acrescentou o atacante, rindo.