Foto: Leandro Martins/MPIX/CPB 1309379324dsc0032

Cerca de dez mil pessoas estarão envolvidas neste sábado, 22, no Festival Paralímpico no Ginásio do CDR, no CEPA em Maceió. A comemoração ao Dia Nacional do Atleta Paralímpico (22 de setembro) acontecerá em 48 cidades, em todos os Estados do país e o Distrito Federal, e promoverá a experimentação do esporte adaptado a cerca de 7.200 crianças, com faixa etária de 10 a 17 anos. A programação oferecerá três modalidades por sede e terá duração de 2h30 - das 8h30 às 11h. O evento está em sua primeira edição, e é organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB). 
 
Foi mobilizada uma força de trabalho de aproximadamente 2.500 pessoas, entre profissionais de Educação Física e voluntários, que conduzirão a programação. Os jovens terão a oportunidade de experimentar modalidades como atletismo, basquete em cadeira de rodas, bocha, futebol de 5 (para cegos), futebol de 7 (para paralisados cerebral), goalball, judô, parabadminton, parataekwondo, tênis de mesa, tênis em cadeira de rodas e vôlei sentado.
 
Confira abaixo a relação completa das sedes do evento e as respectivas modalidades ofertadas. A participação é livre e gratuita para as crianças. Dúvidas poderão ser esclarecidas por meio do e-mail festivalparalimpico@cpb.org.br. 
 
"A iniciativa de criar o Festival Paralímpico visa dar a crianças de todo o Brasil o primeiro contato com o esporte paralímpico. Estaremos nos 26 Estados e no Distrito Federal, no que será um passo de imensurável importância para a massificação do Movimento. Será uma maneira de celebrarmos nossos maiores ídolos e fomentarmos o esporte em sua iniciação", disse Mizael Conrado, presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro, ex-atleta da Seleção Brasileira de futebol de cegos, melhor do mundo na modalidade em 1998, e bicampeão paralímpico (Atenas 2004 e Pequim 2008).
 
O CPB desenvolveu ainda outras atividades para celebrar o Dia do Atleta Paralímpico (22 de setembro). Uma delas ocorrerá no SESC Vila Mariana. De 18 a 23 de setembro, o local receberá a Arena Paralímpica, onde haverá experimentação de cinco modalidades: atletismo, basquete em cadeira de rodas, bocha, futebol de 5 e tênis de mesa. Os usuários do metrô paulistano ainda poderão desfrutar, até o dia 1º de outubro, de uma exposição de fotos na estação Higienópolis-Mackenzie, da linha 4-Amarela. 

Alagoas 
Cidade: Maceió 
Centro de Desporto Recreação Profa Cleonice de Barros - CDR/ CEPA
Modalidades: Bocha, goalball e vôlei sentado