FILIPPO MONTEFORTE / AFP Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Na véspera do anúncio do prêmio “The Best” da Fifa, entregue ao melhor jogador de 2018, Cristiano Ronaldo foi assunto na Assembleia Geral do Real Madrid. O presidente do clube, Florentino Pérez, citou o nome do craque, atualmente na Juventus, no discurso feito aos conselheiros. O português foi o dono da camisa 7 por nove temporadas, entre 2009 e 2018 antes de sair e assinar com o time italiano.

– Desfrutamos de uma equipe que está marcando uma época e será recordada eternamente. Neste maravilhoso ciclo do Real Madrid, há duas figuras a quem quero me referir. Uma delas é o máximo artilheiro da história do nosso clube e digno sucessor de Alfredo Di Stéfano: Cristiano Ronaldo – começou o cartola, sob aplausos.

– Durante as nove temporadas em que vestiu a camisa do Real Madrid foi uma referência e a sua trajetória com a nossa camisa será contada de geração em geração. Conosco venceu 16 títulos, marcou 451 gols em 438 jogos, conquistou quatro Bolas de Ouro e três Chuteiras de Ouro. Foi um exemplo para todos aqueles que vestem a nossa camisa e para aqueles que têm esse sonho. Muito obrigado, Cristiano Ronaldo – agradeceu o dirigente.

Florentino Pérez ainda lembrou outra pessoa que deixou o clube: Zinedine Zidane. O treinador pediu demissão logo após a conquista da Liga dos Campeões, em maio deste ano.

– É um dos grandes treinadores da nossa história – salientou Florentino Pérez, deixando a certeza: – Zidane sabe, como Cristiano, que o Real Madrid será para sempre a sua casa.