Foto: Thiago Parmalat/RCortez/Ascom CSA 0af78e19 dc9c 4b9e a3d2 09bbf8631733 Técnico Marcelo Cabo

O Brasileiro chegou à 32ª rodada e o CSA nunca esteve tão pressionado como agora. Depois de se consolidar no grupo dos quatro melhores da competição, o time marujo se vê ameaçado e precisa vencer o Coritiba, nesta terça-feira (16) no Estádio Couto Pereira, para seguir no G4.

A equipe azulina ocupa a 4ª posição com 50 pontos e está pressionada pelo Vila Nova, que tem 48 pontos e  enfrenta o Juventude no próximo sábado em Goiânia.

A pressão sobre o time marujo não está apenas fora de campos ou na tabela, mas dentro de campo e nos bastidores. Para o jogo desta terça-feira, o técnico Marcelo Cabo não poderá contar com o volante Pio e o meia Juan, suspensos e o atacante Alemão, que foi dispensado pela diretoria.

Equipes se enfrentaram no primeiro turno e empataram em 2 a 2 (Foto: Thiago Parmalat/RCortez/Ascom CSA)

 

Com isso, o time passará por mudanças, terá retornos e novidades. Dawhan e Hugo Cabral ocupam as vagas dos suspensos, Didira e Daniel Costa voltam ao time titular e no comando do ataque, Walter volta a atuar depois de três meses.

Sendo assim o “Azulão do Mutange” deve entrar em campo com Lucas Frigeri; Celsinho, Leandro Souza, Matheus Lopes e Rafinha; Yuri, Dawhan, Didira, Daniel Costa e Hugo Cabral; Walter. 

Coritiba e CSA se enfrentam nesta terça-feira, às 19h15 no Estádio Couto Pereira. O time paranaense está na 9ª colocação com 44 pontos ganhos, enquanto o CSA é o 4º com 50.