Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

A Disney anunciou oficialmente ao mercado publicitário a aquisição dos canais da Fox no Brasil. Agora, toda a programação dos canais Fox, FX e Nat Geo fazem parte do portfólio da Disney, que trabalha no desenvolvimento de uma plataforma em streamming, que vai concorrer com a Netflix. Como a empresa do Mickey já é dona da ESPN, no Brasil, ela é obrigada pelo Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) a se desfazer do canal esportivo da Fox.

Segundo o 'Uol', a Fox Sports passou a ser ignorada nos outros canais Fox e deixaram de expor os destaques do canal esportivo em sua programação. Em contrapartida, o canal de esporte também deixou de divulgar os filmes e séries dos outros canais.

ENQUANTO ISSO...
A Disney definiu a estratégia que será utilizada para a venda dos canais Fox Sports. A empresa definiu os detalhes e decidiu que realizará a negociação até o final deste ano para dar prosseguimos às ideias de investimento do conglomerado. 

A empresa deseja investir em todas as mídias na próxima década e a fusão antecipada ajuda para cumprir seus prazos e metas internas. Até o momento, apenas o DAZN mostrou interesse em obter o pacote da Fox Sports, que será feita "às escuras", vendendo direitos, funcionários e estrutura.

ENTENDA
O grupo Walt Disney comprou parte da 21st Century Fox por US$ 52,4 bilhões. A transação inclui os estúdios de cinema e TV, redes de entretenimento a cabo e empresas internacionais de TV do magnata Rupert Murdoch. Fox Broadcasting, Fox News, Fox Business, FS1, FS2 e Big Ten Network ficaram de fora da operação.