Foto: Ricardo Duarte/SC Internacional Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

O CSA bem que tentou, fez um jogo equilibrado, criou oportunidades e até mandou bola na trave, mas ainda não foi dessa vez que conseguiu vencer a primeira no Brasileirão Série A. Na tarde deste domingo (19) o time marujo foi até o Estádio Beira Rio em Porto Alegre e acabou derrotado pelo Internacional por 2 a 0.

Com a derrota o time alagoano segue na zona do rebaixamento da competição nacional com 3 pontos. Na próxima rodada o CSA joga no Estádio Rei Pelé, na segunda-feira (27), diante do Goiás.

O Internacional por sua vez, subiu para a 5ª colocação com 9 pontos. O “Colorado” terá pela frente um jogo difícil, diante do Santos na Vila Belmiro no domingo (26).

O JOGO – 1º TEMPO

A bola rolou e logo no primeiro minuto o CSA se lançou ao ataque e assustou, com Patrick Fabiano e Matheus Sávio que tabelaram e saíram de cara com o goleiro Marcelo Lomba, que se antecipou e afastou o perigo.

Logo depois o Internacional passou a tomar as rédeas do jogo, mantendo a posse de bola, mas ainda com dificuldades para criar e finalizar com qualidade. O CSA por sua vez, assumia a sua postura defensiva e esperava os espaços para atacar.

O jogo era movimentado, toma lá, dá cá. Patrick Fabiano e Carlinhos pararam no goleiro Marcelo Lomba, enquanto D’Alessandro, Nico López  e Guerrero exigiram boas defesas do goleiro azulino, Jordi.

Na metade da etapa o ritmo da partida caiu, mas o Inter tratou de voltar a esquentar o jogo e abriu o placar. D’Alessandro cruzou na área, Iago estava livre e escorou para Nonato, que desviou e não deu chances para o goleiro Jordi. Internacional 1 a 0 aos 36 minutos.

Nonato marcou o primeiro gol do Inter (Foto: Ricardo Duarte/SC Internacional)

 

A primeira etapa seguia para o final, quando o Internacional chegou ao segundo gol. Bola levantada na área e Vitor Cuesta mandou para as redes. O VAR chamou o árbitro Rodrigo Carvalhaes, que anulou o gol por impedimento de Emerson Santos que também participou da jogada.

Aos 54 minutos, final do primeiro tempo no Beira Rio. Internacional 1 x 0 CSA.

2º - TEMPO

Na volta para o segundo tempo o técnico Marcelo Cabo do CSA resolveu mudar. O meia Madson, que pouco fez no primeiro tempo, foi substituído pelo atacante Maranhão. Apesar da mudança, o CSA tinha dificuldades para chegar e arriscar na área gaúcha.

O Internacional mantinha o jogo sob controle. Marcava o CSA e atacava em algumas oportunidades e assim chegou ao segundo gol. Edenilson tentou tabelar com Nonato, mas a bola bate na defesa do CSA e volta para ele, que de longe acertou um chutaço no ângulo, ampliando o marcador. 2 a 0.

Em desvantagem no placar, o CSA só tinha uma opção. Buscar a reação na partida e até buscou atacar. Em menos de 10 minutos, duas grandes chances. A primeira com Patrick Fabiano que aproveitou cruzamento da esquerda e desviou forte de cabeça, parando em Marcelo Lomba. Logo depois, Matheus Sávio recebeu na área, tirou Marcelo Lomba mas na hora de finalizar, mandou na trave.

(Foto: Ricardo Duarte/SC Internacional)

 

Depois dos sustos o Internacional resolveu fechar os lados do campo, travando as ações do time alagoano. Assim, o jogo se encaminhou para o final com a equipe da casa administrando o resultado.

Final de jogo em Porto Alegre, Internacional 2 x 0 CSA.