Ituano FC Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

O Ituano até fez o 2×0 em casa, saindo na frente do Brusque nas semis da Série D. O problema é que na volta, neste domingo, a equipe catarinense revertou o placar. E acabou, nos pênaltis, levando a melhor e eliminando o clube paulista.

Nada, entretanto, que tire o brilho do Ituano. É o que garante um dos principais destaques da temporada. Para Marcos Serrato, todos estão de parabéns pelo acesso à Série C do Brasileirão, que definiu como ‘feito incrível’. “Claro que fica o gostinho de que poderíamos ser campeões pois temos capacidade. Mas o Brusque acabou levando a melhor, é do futebol. Estamos muito felizes pelo acesso, foi um feito incrível, tenho certeza que todos sabem disso. Fizemos história. Tenho um orgulho gigante por essa conquista com o Ituano”, afirmou o meio-campista, que somou 24 jogos na temporada, com três gols, somando Paulistão e Série D.

Marcos Serrato, aliás, revela dupla felicidade. Ao lembrar que recusou propostas para seguir confiante no projeto do Ituano. Mesmo com o fim da disputa da D e com o feito alcançado, o meio-campista quer alguns dias de férias para ‘enfim curtir a família’. “Foi tudo muito especial, um ano muito bom em todos os aspectos, individuais e coletivos. No Paulistão fizemos boa campanha, vencemos os gigantes e chamamos a atenção. Eu sabia que o clube queria subir, conquistar o acesso. Todos sabem que tive propostas depois do Paulistão, mas fiquei pelo sonho do acesso. Agora quero descansar, enfim curtir a família alguns dias”, finalizou o jogador de 25 anos, com passagens também por Vila Nova, Ponte Preta e Paraná.