JULIO CAESAR Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

"Na Série A não tem jogo fácil. Vamos encarar o CSA com muito respeito. Têm atletas muito vencedores. Tem um excelente treinador, e nos últimos dois jogos não perderam. Sinal que estão em momento de evolução. A gente tem que tratar esse jogo como uma verdadeira final", afirmou o jogador.

O Fortaleza acumula 14 pontos e ocupa a 14ª posição na tabela, quatro acima da zona de rebaixamento e seis a mais do que o CSA. Entretanto, o Leão amarga a terceira pior defesa da competição. O Tricolor sofreu o mesmo número de gols do que o Azulão.

Ciente dos erros da equipe, Juninho diz que é preciso "muito trabalho" para a equipe fazer os ajustes necessários. "Vamos aproveitar bastante a semana para trabalhar bastante para não repetir os erros contra o CSA. A gente sabe da importância de vencer", comentou.

O Leão chega para o duelo com duas derrotas consecutivas, a última para o maior rival. Na avaliação do volante, o Fortaleza oscilou bastante nos dois tempos contra o Corinthians e o Ceará. "Todas as equipes passam momentos ruins dentro da competição. Chegou nosso momento. Contra o Corinthians, fizemos um ótimo primeiro tempo, mas deixamos cair o ritmo no segundo. Começamos mal contra o Ceará. Depois do nosso gol tomamos conta da partida, mas não conseguimos aproveitar as chances. Não foi de tudo ruim (nas duas últimas partidas). Precisamos aproveitar a semana cheia."