Foto: Álvaro Jr/Ponte Preta Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

O CRB entra em campo neste sábado, às 19h00, para enfrentar o Figueirense pela Série B, de olho em duas situações distintas. A primeira, seguir com a boa campanha fora de casa, vencer e entrar no G4, além de observar a crise financeira do adversário, que não entrou em campo na última rodada e perdeu por WO.

Durante toda a semana, o time alagoano treinou para corrigir os erros e aprimorar o seu futebol, mas também observando se teria mesmo o confronto diante do Figueirense.

A equipe catarinense vive uma série crise financeira, que teve como ponto principal a derrota por WO diante do Cuiabá, quando os atletas decidiram minutos antes do jogo, não entrar em campo.

No dia seguinte, a diretoria pagou parte do débito e mesmo assim os atletas, em respeito aos funcionários e prestadores de serviços, não treinaram e deixaram em aberto a possibilidade de entrarem em campo neste sábado.

Porém, um acordo feito com a direção e atendendo pedidos da torcida, os atletas decidiram jogar, tendo em vista que um novo WO, de acordo com regulamento da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), poderia levar ao rebaixamento imediato, suspendendo o time por dois anos e voltando a atuar apenas na Série D.

O JOGO

Com o jogo confirmado, o “Galo” está pronto para enfrentar o adversário, independente da crise. O técnico Marcelo Chamusca não poderá contar com Lucas Abreu e assim, pode colocar o “xará”, Lucas Siqueira.

Assim, o CRB pode formar com Vinícius; Daniel Borges, Victor Ramos, Wellington Carvalho e Igor; Claudinei, Ferrugem, Lucas Siqueira, Alisson Farias e Felipe Ferreira; Léo Ceará. 

Figueirense e CRB se enfrentam às 19h00, no Estádio Orlando Scarpelli em Florianópolis, em jogo válido pela 18ª rodada da Série B. O time catarinense está em 13º com 20 pontos, enquanto o CRB é o 7º com 26.