Divulgação/San Jose Earthquakes Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Após um início de instabilidade na Major League Soccer, o San Jose Earthquakes já figura como uma das equipes candidatas a uma vaga nos playoffs, que terão início no próximo mês.

Com 44 pontos, o Earthquakes ocupa a quarta colocação da Conferência do Oeste, atrás do Los Angeles, Seattle Souders e Minnesota United. “Tivemos um início um pouco difícil, mas aos poucos a equipe foi se acertando e encontrando o melhor entrosamento. Eu, particularmente, também tive que me adaptar ao clube, país e metodologia de trabalho. Está sendo minha primeira experiência fora do Brasil, mas já estou totalmente ambientado e feliz por estar ajudando o clube nessa boa campanha”, revelou Judson.

Até o momento são 28 jogos, um gol marcado e 72 desarmes pela equipe americana. “O meu ponto forte são os desarmes, mas quando pinta uma oportunidade eu procuro deixar a minha marca. Confesso que é uma situação bastante rara na minha carreira, mas é muito gostoso fazer um gol e sentir a vibração dos torcedores”, revelou o volante, que possui 241 jogos e apenas cinco gols na carreira.

Após dez dias sem jogos em função da Data Fifa, a MLS será retomada nesta quarta-feira (11). Com uma sequência de duas vitórias consecutivas, o San Jose Earthquakes precisa manter a série de bons resultados para continuar figurando entre os primeiros colocados. “Fizemos dois excelentes jogos e teve essa parada para os jogos das seleções. Temos um importante jogo fora de casa nesta quarta-feira e espero que a gente consiga manter essa série de resultados positivos”, finalizou Judson.

A partida desta semana será fora de casa contra o Real Salt Lake, que ocupa a quinta colocação na tabela de classificação com apenas um ponto a menos que o San Jose.