Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Com um dia de antecedência, a CBF enviou a lista de 21 jogadores convocados pelo técnico Guilherme Della Dea para a disputa da Copa do Mundo Sub-17 nesta terça-feira (15). Em breve comunicado aos jornalistas na Granja Comary, CT da seleção brasileira, Branco, coordenador de base da CBF, confirmou que o meia Reinier, do Flamengo, está fora do Mundial da categoria. O ex-jogador explicou a ausência do atleta após o clube não cumprir o acordo feito.

"Um dia antes do prazo final, a gente já enviou a lista dos 21 jogadores que farão parte da delegação do Brasil. Comunicamos hoje à Fifa oficialmente. O Pedro Lucas foi convocado no lugar do Reinier. O motivo foi o não cumprimento de um acordo de cavalheiros que tínhamos feito. A CBF com o clube. Teria que voltar no dia 14. Como não se apresentou, tomamos a decisão de convocar o Pedro, que já fazia parte da nossa seleção, inclusive fez parte do torneio na Inglaterra", afirmou Branco.

Reinier foi incialmente convocado por Guilherme Della Dea e foi à Granja Comary no dia 7 de outubro. Após realizar exames, foi liberado pela CBF, ficando à disposição de Jorge Jesus para os jogos contra o Atlético-MG e Athletico. Neste momento, ficou acordado que o meia se reapresentaria à Seleção na última segunda, dia 14, mas o clube da Gávea vetou, mantendo o jogador na delegação rubro-negra que viajou de Curitiba para o Ceará, onde a equipe visita o Fortaleza nesta quarta, às 20 h, pela 26ª rodada do Brasileirão.

Após a decisão de manter Reinier no Flamengo, a direção deixou o caso a cargo do departamento jurídico, que ingressou no STJD com uma Medida Inominada para contar com o jogador no Brasileirão. O presidente do Tribunal, por sua vez, enviou um ofício à CBF com o prazo de 24 h.