Cerca de 7,5 milhões de contribuintes têm até quinta para declarar IR 2009

  • annaclaudia
  • 28/04/2009 08:01
  • Negócios
Cerca de 7,5 milhões de contribuintes têm até esta quinta-feira (30) para entregar a declaração do Imposto de Renda 2009. Até às 19h de hoje, a Receita Federal recebeu 17,5 milhões declarações.

O prazo final é quinta-feira, mas neste ano são quatro horas a mais para enviar pela internet, já que a entrega foi ampliada até a meia-noite, pelo horário de Brasília (no ano passado, só até as 20h). O contribuinte que entregar após este prazo pagará multa mínima de R$ 165,74.

A estimativa é de que 25 milhões de contribuintes prestem contas este ano. Está obrigado a declarar o contribuinte que recebeu rendimentos tributáveis superiores a R$ 16.473,72 ou recebeu rendimentos isentos, não-tributáveis ou tributados na fonte que ultrapassem R$ 40 mil.

O programa para entrega pode ser baixado a qualquer momento no site da Receita Federal, mas o envio da declaração é suspenso de madrugada, entre 1h e 5h, para manutenção do site.

A Receita orienta que os contribuintes evitem deixar para entregar a declaração nos últimos dias, a fim de não correr risco de encontrar dificuldades na entrega pela internet.

A declaração do IRPF 2009 pode ser feita pelo site da Receita, em disquete nas agências do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal ou em formulário nas agências e nas lojas franqueadas dos Correios. O formulário custa R$ 4.

Tabela do IR

Com a correção da tabela do IR em 4,5%, houve reajuste também nos valores do IR devido e das deduções. O limite de isenção baseado nos rendimentos tributáveis subiu para R$ 16.473,72. A opção pela declaração simplificada prevê desconto de 20% no valor dos rendimentos tributáveis, limitado a R$ 12.194,86.

Também há novos valores para dedução por dependente (R$ 1.655,88), para despesas com instrução (R$ 2.592,29) e em relação à contribuição previdenciária para empregado doméstico (R$ 651,40).