Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

O repórter-fotográfico da Secretaria Municipal de Comunicação (Secom), Marco Antônio Barros da Silva, conquistou uma medalha de prata ao ficar em segundo lugar, na categoria de 55 a 59 anos, no Campeonato Alagoano Fetrial de Triathlon, realizado neste domingo (01), na Orla marítima de Maceió. Foi a terceira edição do campeonato que o jornalista participou, cumprindo as provas de 10 quilômetros de corrida, 1.500 metros na natação e 40 quilômetros no ciclismo.

Marco Antônio já participou de mais de 25 provas desde que descobriu o triátlon em 2012. Ele começou a praticar a natação aos 47 anos, após ser diagnosticado com uma hérnia de disco, e conta que seu professor viu talento e recomendou que começasse a praticar o triátlon. Ele seguiu a recomendação e, em março de 2013, já havia realizado sua primeira prova.

Ele conta que o treino faz parte de sua rotina diária. De segunda à sexta pratica natação e, em dias alternados, treina corrida e ciclismo. No fim de semana, Marco Antônio chega a correr 15 quilômetros e pedalar quase 100.

Marco Antônio já participou de mais de 25 provas de triátlon no total, incluindo modalidades de circuito olímpico, como a deste domingo, e duas competições na modalidade meio do Iron Man Maceió. Nesta, percorreu 1.900 metros na natação, 90 quilômetros no ciclismo e 21 quilômetros na corrida.

“O esporte significa muito mais que qualidade de vida. É saúde, bem estar e disposição. No momento em que pratico o esporte, eu penso na vida, no que preciso fazer, nas decisões que devo tomar. Eu me sinto melhor, mais disposto para o dia-a-dia e, sem dúvidas, é uma rotina muito importante para mim”, conta.

Ele completa que pretende treinar mais, até que alcance o primeiro lugar. “Vou continuar a rotina e me esforçar para que a emoção do pódio possa ser ainda maior com o ouro”.