Foto: Johann Breno / Midiart Comunicação Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

O CRB começou a temporada com derrota. Na noite desta terça-feira (21) o time regatiano foi derrotado por 2 a 1, pelo Imperatriz, no Estádio Frei Epifânio, na abertura da Copa do Nordeste. O gol do “Galo” foi marcado por Rafael Longuine, enquanto Joelson e Alysson balançaram as redes pela equipe maranhense. 

No próximo domingo o CRB recebe o Murici, no Estádio Rei Pelé, às 16h, na estreia no Campeonato Alagoano. 


O JOGO  

A bola rolou no estádio Frei Epifânio e o CRB começou melhor. Aos 30 segundos o time regatiano fez pressão na saída de bola do Imperatriz e aproveitou a falha do sistema defensivo. Rafael Longuine chutou a bola no canto do goleiro adversário. CRB 1 a 0. 

O Imperatriz começou o jogo nervoso, não conseguia trocar passes de forma gradativa. A primeira chance de gol foi em cobrança de falta. Renan Dutra aproveitou o cruzamento e desviou a bola para fora.  

O time maranhense conseguiu se encontrar na partida e seguia pressionando o CRB. Aos 29 minutos, Hudson recuperou a bola e cruzou na área, encontrando Joelson, que aproveitou a sobra na área e empatou o jogo. Imperatriz 1 a 1 CRB. 

O “Galo” tinha dificuldades na partida, atuava de forma mais reativa. A melhor oportunidade foi no final da primeira etapa. Bruno aproveitou cruzamento de Maurinho e cabeceou a bola, que passou raspando o travessão. 

Na segunda etapa o Imperatriz começou pressionando o CRB. Joelson recebeu a bola e chutou de fora da área. O goleiro Victor Souza espalmou para o escanteio. 

O “Galo” tinha a posse de bola, mas não conseguia levar perigo ao gol adversário. O técnico Marcelo Cabo modificou a equipe, porém não surtiu efeito. 

O time da casa seguia levando perigo ao CRB. Aos 28 minutos, Joelson cruzou a bola na área, Alysson livre da marcação cabeceou para gol. Imperatriz 2 a 1. 

A melhor chance do time regatiano foi com o atacante Erik, que fez boa jogada pela esquerda, mas finalizou fraco para gol. O goleiro não teve dificuldades em fazer a defesa. 

Final de jogo no Maranhão, Imperatriz 2 x 1 CRB.