Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Apesar do título da Copa Alagoas e do calendário assegurado no ano de 2021, com Campeonato Alagoano, Copa do Brasil e Brasileirão da série D, um fato chamou a atenção dos torcedores do ASA durante a competição que se encerrou no último domingo. O clube ainda não definiu seu fornecedor de material esportivo para 2020. Na final contra o CEO, a equipe entrou em campo com uniformes da marca Gigante, mas o Portal NN1 recebeu a informação de que este fabricante não será utilizado nesta temporada.

Segundo fontes ouvidas pelo portal, a diretoria do alvinegro já tentou dois fabricantes diferentes para a confecção dos uniformes, mas ambas apresentaram problemas, o que acabou atrasando a chegada do material para o clube e para a torcida, que ainda não teve acesso ao novo padrão. Um primeiro fabricante, localizado na cidade de Batalha, sertão alagoano, chegou a ser bem aceito pela diretoria, mas o negócio não foi à frente porque a empresa não produzia todo o conjunto (camisas, calções, meiões, agasalhos, calças, etc).

A diretoria foi então apresentada a um segundo fornecedor, localizado no interior de São Paulo, que através de modelos online, conseguiu aprovar junto aos diretores os novos modelos de uniforme, bem como tinha estrutura para produção do material completo. Porém, quando os primeiros modelos chegaram a Arapiraca, decepcionaram o corpo diretivo do clube, por conta do design e alguns itens como o escudo, pintado na camisa – ao invés de bordado ou colado.

Dessa forma, a diretoria alvinegra providenciou a quebra de contrato com o fornecedor paulista, o que atrasou a definição do novo fornecedor. Essa demora na disponibilização da nova camisa irritou alguns torcedores, e fez o clube perder receita de venda de produtos justamente numa semana de final de campeonato. Torcedores relataram ao NN1 que a loja oficial do clube não tinha nenhum modelo de jogo à venda. No local, nossa reportagem encontrou apenas camisas polo de fabricantes antigos.

O ASA estreia no campeonato alagoano no próximo sábado (25/01) contra o Jaciobá, na cidade de Olho D’Água das Flores. Para este duelo, o alvinegro entra em campo ainda com os mesmos uniformes ‘teste’ da antiga fornecedora.