Lance Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

O Mineirão, administrado pela Minas Arena, anunciou, na tarde desta sexta-feira, 27 de março, que doará R$ 240 mil para o Hospital da Baleia, em Belo Horizonte. A verba será destinada o combate ao novo coronavírus.

O estádio se uniu à ONG Dawh Brasil da Alemanha para angariar os recursos doados. O dinheiro tem origem na doação em troca de pedaços das redes que estavam do duelo Brasil e Alemanha, da Copa do Mundo de 2014, 7 a 1 para os alemães nas semifinais daquele Mundial.

Ludmila Ximenes, Gerente de Relações Institucionais do Mineirão, disse que os recursos serão destinados à compra de equipamentos de proteção individual para os profissionais da saúde que trabalham no Hospital da Baleia.

- Assim como o mundo todo, nós, no Mineirão, temos buscado incansavelmente formas de contribuir na batalha contra essa pandemia. Compreendemos a nossa responsabilidade, como empresa e como cidadãos, e, em conjunto com os parceiros da Dahw, conseguiremos equipar nossos médicos adequadamente, com luvas, máscaras, álcool e óculos de proteção-disse.

Em função da pandemia de coronavírus, o Mineirão está com suas atividades paralisadas até 5 de abril, mas o período quarentena pode ser estendido pela Minas Arena.

Mais ações com o Baleia

O Mineirão também vai auxiliar o Baleia para conseguir recursos que permitam inaugurar uma ala no hospital, que ainda precisa de equipamentos para começar a funcionar. O espaço, já pronto para ser utilizado, tem capacidade para 70 leitos. As doações podem ser feitas por este site.