Foto/Arte:Maciel Rufino Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Na última matéria da série sobre “Os efeitos do Coronavírus no esporte em Alagoas”, o MinutoEsportes entrevistou uma personagem que sempre trabalhou com a saúde. Porém, a personal trainer e enfermeira, Kleana Reis, nunca imaginou que pudesse passar por um momento semelhante e compartilhou as experiências do atual cenário de Pandemia.

Acostumada com as aulas em academias e atendimentos personalizados, além de administrar os plantões no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), Kleana revelou que o momento é difícil, mas a principal recomendação é o cuidado.

Kleana em ação pelo Samu (Foto: Arquivo Pessoal)

“Venho tomando todas as medidas cabíveis de acordo com o ministério da saúde. Primeiro de tudo não saio de casa a não ser que seja para o trabalho e para o supermercado e mesmo assim com uso de máscara N-95. Aqui em casa todos usam essa máscara se precisar sair. Lavagem das mãos sempre. Álcool gel sempre na bolsa e no carro para no caso de precisar na rua. Também cuido da minha saúde praticando atividade física diariamente por uma hora e mantendo uma alimentação saudável para poder me manter saudável e com a imunidade boa”, afirmou.

Diante do momento, a personal e enfermeira precisou se adaptar ao momento. Não tem sido fácil, mas ela conta como tem feito para se manter ativa fisicamente e psicologicamente.

“Nesse momento estou atuando como personal online. Não dou aula presencial pois estou respeitando o isolamento social e a quarentena. Além de que, sou enfermeira e não posso correr o risco de pegar essa doença e passar para minhas alunas”, explicou.

Acostumada com o trabalho e com a pressão psicológica, Kleana revela que o momento também traz apreensão. “Muito difícil. São momentos de tensão e medo que passamos a conviver diariamente. Não podemos descuidar um segundo sequer com a nossa segurança e proteção e acima de tudo prestar atendimento a quem precisa de qualidade”, alertou.

Kleana em competição de Crossfit (Foto: Arquivo Pessoal)

 

Por fim, a profissional faz um alerta pela sanidade mental das pessoas que estão buscando se afastar do Coronavírus. “O mais importante nesse momento é manter a calma para não entrar em pânico, nem ter ansiedade e nem insônia. Tem muita gente fica do doente por estar na quarentena. Todos devem procurar praticar alguma atividade física que irá ajudar a liberar endorfinas e trazer mais prazer. Não podemos esquecer da alimentação, principalmente rica em vitaminas e sais minerais para melhorar a imunidade. Nada de dieta radical agora”, finalizou.