Reprodução ESPN Rs=w:350,h:263,i:true,cg:true,ft:cover?cache=true

Craque de gigantes clubes do futebol brasileiro, o ex-atacante Edmundo foi às lágrimas durante uma entrevista ao programa 'Bate Bola Debate', da Espn, nesta terça-feira. Ao recordar a passagem pelo Corinthians, em 1996, o ex-jogador relembrou o acidente de carro que vitimou três pessoas em dezembro de 1995, na zona sul do Rio.

"Foi o momento mais difícil da minha vida, não só da minha carreira. Era um momento de tentar entender como é que as pessoas iam me receber, e o torcedor do Corinthians, o Corinthians de um modo geral, me recebeu muito bem e eu conseguir prosseguir a minha vida", disse Edmundo, que complementou:

"Esquecer, a gente não esquece nunca. Fazem 25 anos que eu sofri o acidente de carro. Eu vivo preso a isso há 25 anos, não consigo esquecer. Foi em dezembro de 95, eu cheguei em janeiro ao Corinthians, para seguir a minha carreira, e só foi possível porque as pessoas foram generosas comigo. Prometo, não vou chorar mais" encerrou o ex-atleta.