1326655918palmeira

O aquecimento para disputar Wimbledon terminou da melhor forma possível para Novak Djokovic. O sérvio jogou hoje pela final do ATP 250 de Eastbourne, no Reino Unido, e diante do francês Gael Monfils, não decepcionou, vencendo por 2 sets a 0 em parciais de 6/3 e 6/4 para faturar o título.

Djoko, atualmente o número 4 do mundo, conquista seu segundo título na temporada 2017 e chegará ao Grand Slam de grama em alta, na busca pela retomada da liderança do ranking, que era sua até o ano passado.

Já Monfils, que atualmente ocupa o 16º posto no ranking da ATP, ainda busca a primeira conquista da atual temporada na esperança de voltar a figurar no top 10 mundial, a qual deixou de integrar desde fevereiro deste ano.

Para assegurar o troféu em Eastbourne, Djokovic esbanjou segurança assim que o duelo decisivo se iniciou neste sábado. Na primeira parcial, o ritmo foi todo administrado pelo sérvio, que esteve implacável em seus saques e não foi quebrado em nenhuma posse. No primeiro e último game da parcial, conseguiu quebras para cima do rival francês, que o ajudaram a largar na frente.

Monfils tentou lidar com a superioridade de seu oponente entregando uma disputa franca e equilibrada no segundo set, com games sendo trocados até que uma nova quebra de Djoko definiu o duelo em pouco mais de uma hora e 15 minutos de duração.

Começando sua caminhada em Wimbledon, Djokovic terá confronto diante do eslovaco Martin Klizan na rodada inicial, na próxima terça-feira, dia 4.